A MULHER DE LÓ

 

                                                             MULHER DE LÓ

Olhou para trás e converteu-se em uma estátua de sal”. (Gênesis 19.26) Todos já ouviram falar desta mulher: a Mulher de Ló.

A Bíblia não fala muito sobre ela, mas lemos o suficiente para saber que não queremos ter o mesmo fim trágico que ela teve: virou uma estátua de sal.

Seu marido se chamava Ló era sobrinho de Abraão. O pai dele era irmão de Abraão e morreu antes da família sair de Ur dos caldeus, e Ló o acompanhou. Abraão e Ló se tornaram homens muito ricos ao ponto de seus rebanhos aumentarem tanto que tiveram que se separar. Abraão deixou Ló escolher para onde queria ir e o sobrinho escolheu o que parecia ser a melhor terra e partiu na direção de Sodoma.

Anos se passaram e Deus resolveu destruir Sodoma, pois eram homens maus, grandes pecadores e não havia dentre eles um justo sequer como diz a palavra. (Gênesis 13.13). Ló recebe em sua casa dois anjos que lhe anunciam a destruição e lhes deram uma ordem para saírem da cidade com sua família: esposa, filhas e genros; e de não olharem para trás. Os genros riram desta ordem, não acreditaram.

A mulher de Ló não obedeceu e teve este fim trágico. Este olhar da mulher de Ló foi um olhar de saudades, lembrando com prazer da sua vida lá. Ela foi atraída pelo seu passado e desobedeceu a uma ordem e o livramento do Senhor.

A mulher de Ló nos faz refletir que muitas vezes nos posicionamos da mesma forma. A bíblia é muito clara quanto ao passado. Amadas, muitas vezes, nós que somos mulheres de Deus, crentes no Senhor, vivemos em um ambiente onde o pecado existe mas nós nem percebemos, pois já estamos acostumadas. E, pior do que isso, praticamos todo tipo de pecado e dizemos... "Eu não acho nada demais!"

Será que nossos olhos e mente já não estão acostumados com... Novela? Novelas onde vemos, e até mesmo torcemos pela "pobre esposa" que é maltratada por um marido mulherengo, que bate nela e que... de repente... aparece um "mocinho" que "a ama" e quer ficar com ela.

Será que nós, realmente, não estamos tão acostumadas que nem percebemos que estamos torcendo para que haja um adultério? Namoros avançados? Namoros avançados e até mesmo permitidos por pais "crentes" porque... "afinal de contas, meus filhos não podem ser diferentes de seus amigos!" Em novelas, este tipo de namoro é tão comum que até mesmo nós, crentes, não achamos nada demais. Um mau exemplo é a novela da seis horas de uma determinada emissora de TV cujos personagens são jovens de colégios e universidades.

Querida, eu não sei se existe alguma diferença entre a Sodoma onde vivia a esposa de Ló com toda a sua família e o mundo de hoje! Deus, com certeza, não está gostando de ver o mundo caminhando para um abismo sem volta. E, participando deste mundo, estão muitos que se dizem crentes e que sempre dizem... "Eu não acho nada demais!" Tudo isto é muito triste! Precisamos estar alertas e alertar os nossos filhos, as nossas irmãs em Cristo para que não caiam de amor pelas coisas do mundo que são guiadas pelo inimigo das nossas almas. Que o Senhor nos proteja e nos dê sabedoria para vermos o que é certo e o que é errado de acordo com as Escrituras.

Que o nosso andar diário seja agradável ao Senhor. Pelo desfecho desta história, podemos imaginar que a mulher de Ló não se empenhou nas coisas espirituais, ensinando suas filhas a não andarem de acordo com o mundo, não se maravilharem com aquilo que desagradaria ao Senhor. Tudo indica que ela gostava de viver em Sodoma. Talvez ela vivesse dizendo a seu marido... "Eu não acho nada demais!" Apesar da acomodação de Ló e de toda a sua família, Deus teve misericórdia dele e de todos os seus. Deus quis salvá-los da grande tribulação, apesar de não estarem pensando em se separar deste ambiente de luxúria.

A esposa de Ló nem pensava que uma grande mudança estava para acontecer. Deus deu a ela uma oportunidade sem igual. Deus teve misericórdia dela e de toda a sua família.