ABIGAIL

 

 

                      

 

                   UMA BELDADE INTELIGENTE 

 

Mulheres amigas !!!

Gostaria que vcs tirassem um tempinho para ler este texto, que tem uma grandiosa riqueza em exemplos para nós mulheres; que queremos ser : Sábias e Virtuosas. 
Abigail aprendeu a difícil lição de negar-se a si mesma.
Por isso mesmo, ela foi usada por Deus para interceder por sua casa, por seus servos e por tudo quanto possuía.

A Bíblia diz que ela se apressou, preparou um bom farnel, montou em um jumento e foi ao encontro de um exército de quatrocentos homens irados e armados usando apenas a arma da intercessão. Abigail confiava em Deus, apesar das circunstâncias.

  A Bíblia deixa claro como era o caráter do esposo de Abigail e em razão disso, a vida dela não era nada fácil. Tendo um esposo como Nabal, podemos imaginar que Abigail vivia num ambiente nada agradável.

Ela convivia diariamente com a opressão, o medo, a vergonha e uma série de outros sentimentos que estão presentes em todas as casas onde o chefe da família tem o coração duro, maligno e perverso.
Veja como a Bíblia descreve o caráter do esposo de Abigail.

   “Nabal era o nome deste homem, e Abigail, o de sua mulher; esta era sensata e formosa, porém o homem era duro e maligno em todo o seu trato”. (1 Samuel 25:3)

“...Ele é filho de Belial, e não há quem lhe possa falar”. (I Samuel 25:17b)
Quantas esposas estão vivendo num ambiente semelhante a este em que Abigail vivia.

Ouvimos mulheres que estão angustiadas, tristes, frustradas e até mesmo física e emocionalmente doentes porque estão sendo repudiadas, humilhadas, desrespeitadas envergonhadas e as vezes até mesmo espancadas pelo marido. Estão sendo abusadas emocional e fisicamente, e já não suportam mais as circunstâncias em que vivem.

Infelizmente, com tristeza, temos visto que isso acontece até mesmo dentro de alguns lares cristãos. Homens que se dizem crentes estão tratando a esposa e filhos dessa forma. O resultado disso, são famílias doentes e filhos feridos que, muitas vezes, crescem e se afastam de Deus por causa das marcas e do mal exemplo deixado por pais que se dizem crentes.

Quero dizer a você mulher, esposa, que está lendo este texto e que se encontra nessa situação, que Deus é fiel e que virá em seu socorro. Seja fiel ao Senhor e Ele lhe mostrará o caminho do livramento. Ele colocará pessoas ao seu lado para ajudá-la.

Apesar das circunstâncias, não desista de crer que o Senhor está com você e o socorro virá. 
A história de Abigail é rica em lições que podemos aplicar em nossa vida diária como mulher e esposa.
Abigail contava com a confiança e o respeito dos seus servos.
Seus servos a admiravam, confiavam nela e a viam como mulher sábia e sensata. Acreditavam que ela seria capaz até mesmo de encontrar uma solução para resolver uma situação grave como a que estavam enfrentando.
Abigail era uma mulher que tinha discernimento e iniciativa.
Uma mulher que teme ao Senhor e confia Nele apesar das circunstâncias, sempre receberá do céu o discernimento da melhor decisão à ser tomada nos momentos mais difíceis da vida. 

“Então, Abigail tomou, a toda pressa, duzentos pães, dois odres de vinho, cinco ovelhas preparadas, cinco medidas de trigo tostado, cem cachos de passas e duzentas pastas de figos, e os pôs sobre jumentos”. (I Samuel 25:18)
Abigail era uma mulher sábia , prudente, humilde e temente a Deus.
Para enfrentarmos as adversidades da vida, além de temermos a Deus, é necessário sermos humildes. Para enfrentarmos um inimigo, muitas vezes a arma mais poderosa que podemos usar é a arma da humildade.

Ser humilde, significa estarmos totalmente dependentes de Deus, significa que estamos num determinado momento, em algum lugar e diante de alguma situação, sendo apenas a boca ou os braços ou a própria presença de Deus, que é capaz de neutralizar de maneira instantânea e sobrenatural a fúria, a astúcia e o poder do inimigo.

Quantas mulheres hoje estão com seus casamentos e lar destruído por falta de sabedoria pra contornar a situação, ao invés de apagar o fogo pôs, mais lenha na fogueira.

Os problemas que surge nos lares às vezes é resolvido apenas com um silencio, oração e muita prudência; porque agressividade gera agressividade.

O que está faltando em ambas às partes é amor, dialogo e compreensão, infidelidade ciúmes são a causa principal da destruição dos casamentos.